quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Imobiliaria Pg

Quando os agentes econômicos formam poupança, ou seja, consomem menos do que
ganham, são chamados de agentes superavitários. Quando, por outro lado, consomem
mais que sua renda e precisam recorrer à poupança de terceiros, são conhecidos
como agentes deficitários.
No entanto, para que um agente deficitário possa utilizar os recursos disponíveis dos
agentes superavitários para realizar suas decisões de consumo ou investimento, é
preciso que esse fluxo de recursos entre eles seja viabilizado. Isso porque, na maioria
dos casos, as necessidades de poupança e empréstimo individuais diferem em alguns
aspectos, como por exemplo, valor e prazo. Uma família pode querer aplicar R$
10.000,00 por um ano, enquanto outra queira apenas R$ 5.000,00 por seis meses, ou
uma empresa demande R$ 1.000.000,00 em investimentos para pagar em cinco anos.
Se cada poupador tivesse que encontrar um tomador de recursos com as mesmas
necessidades de volume e prazo, para a realização de um empréstimo, seria muito
difícil a efetivação dos negócios.  casas para alugar em ponta grossa

Foi para suprir essa demanda do mercado que surgiram e desenvolveram-se instituições
especializadas em intermediar essas operações. Inicialmente, sua função básica
era pegar emprestado daqueles que poupam, pagando uma remuneração representada
pelos juros, e emprestar para os demais, naturalmente a uma taxa mais alta, ganhando
com a diferença. Essas instituições concentram a poupança e a distribuem aos tomadores
de recursos, atendendo, ao mesmo tempo, as necessidades de volume financeiro e
prazo de cada um. Com o passar do tempo, essas instituições foram se especializando e
oferecendo outros serviços, como veremos adiante.  terrenos a venda em ponta grossa

Da mesma forma desenvolveram-se novos instrumentos, sistemas e produtos para organizar, controlar e desenvolver esse mercado. Chamamos este sistema, como um todo, de Sistema Financeiro. sobrados em ponta grossa
Sistema Financeiro: conjunto de instituições e instrumentos que viabilizam o
fluxo financeiro entre os poupadores e os tomadores na economia.
Assim, podemos conceituar o Sistema Financeiro como o conjunto de instituições e
instrumentos que viabilizam o fluxo financeiro entre os poupadores e os tomadores
de recursos na economia.  casas pre fabricadas em ponta grossa

Não é difícil perceber a importância desse sistema para o adequado funcionamento e crescimento econômico de uma nação. Se, por exemplo, determinada empresa, que necessita de recursos para a realização de investimentos para a produção, não conseguir captá-los de forma eficiente, provavelmente ela não realizará o investimento, deixando de empregar e gerar renda. Com o papel desempenhado pelas instituições financeiras, esse problema se reduÉ importante compreender, porém, que o modelo tradicional de intermediação financeira não foi capaz de suprir todas as demandas existentes no mercado. Esse processo foi sendo aprimorado ao longo da história. Desenvolveram-se novos ativos financeiros e características operacionais específicas para cada tipo de  demanda. Essas características podem diferir em razão do prazo, tipo de instrumento
utilizado para formalizar a operação, assunção de riscos, entre outros aspectos que delimitam o que se convencionou chamar de mercados financeiros. kitinetes para alugar em ponta grossa

Atualmente, essa diferente classificação ajuda a compreender um pouco mais
cada um desses mercados, suas peculiaridades, riscos e vantagens. De forma
geral, como se pode observar na figura 2, o sistema financeiro segmentou-se em
quatro grandes mercados: mercado monetário, mercado de crédito, mercado de
câmbio e mercado de capitais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário